Homilia Dominical – 23º Domingo do Tempo Comum – 06 Setembro

Aos Surdos faz ouvir e aos mudos falar

Mc 7,31-37

efatá1

A palavra distingue o ser humano dos animais. O homem nem sempre é o que fala, mas sempre se torna aquilo (ou aquele) que ouve. O homem é a palavra à qual dá atenção e presta ouvidos. O ser humano é, primeiro, ouvidos, e, só depois, língua. Deus é palavra, comunicação, dom de Si. À medida que O ouve, o ser humano torna-se capaz de responder-lhe. Entra em diálogo com Ele e se torna Seu parceiro. Unido a Ele, torna-se semelhante a Ele.

Anúncio do Evangelho (Mc 7,31-37)

O Senhor esteja convosco.

Ele está no meio de nós.

PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Marcos.

Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 31Jesus saiu de novo da região de Tiro, passou por Sidônia e continuou até o mar da Galileia, atravessando a região da Decápole.

32Trouxeram então um homem surdo, que falava com dificuldade, e pediram que Jesus lhe impusesse a mão.33Jesus afastou-se com o homem, para fora da multidão; em seguida, colocou os dedos nos seus ouvidos, cuspiu e com a saliva tocou a língua dele. 34Olhando para o céu, suspirou e disse: “Efatá!”, que quer dizer: “Abre-te!”

35Imediatamente seus ouvidos se abriram, sua língua se soltou e ele começou a falar sem dificuldade.

36Jesus recomendou com insistência que não contassem a ninguém. Mas, quanto mais ele recomendava, mais eles divulgavam.

37Muito impressionados, diziam: “Ele tem feito bem todas as coisas: Aos surdos faz ouvir e aos mudos falar”.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

A religião judaica e a religião cristã são, em parte, religiões de livro. Mas não só um fetichismo da letra. Amam o livro, mas não o adoram. São religiosos – isso sim – da palavra e da escuta, isto é, da comunhão com Aquele que fala (cf. Hb 1,1; 1Jo 1,1ss.). Por isso, ser surdo-mudo é o pior dos males. “Falar alguma coisa” (v.32) já é alguma coisa, mas é muito pouco para quem é definido como “palavra”, comunicação, diálogo.

O diálogo do surdo-mudo é o penúltimo da primeira parte do evangelho de Marcos. O último será a cura de um cego, o de Betsaida (cf. Mc. 8, 22-26). É  preciso, primeiro, ouvir a palavra, só depois vem a iluminação da fé. Quem continua surdo não pode “ver”; só o coração pode “ouvir a verdade” daquilo que se vê (Fausti).

Esse milagre mostra tudo o que o Senhor quer realizar em cada ouvinte da Palavra.  Somos todos ouvintes seletivos de sua Palavra.  Como criaturas, damos só o que recebemos e dizemos só o que ouvimos.  Jesus é o médico – o otorrinolaringologista! – que nos devolve a capacidade de ouvi-lo e de dialogar com Ele. Jesus assim realiza o desejo de Deus e o sonho da humanidade, uma sociedade sem marginalizados.

Na celebração do batismo, essa cura corresponde ao exorcismo que conclui a liturgia da palavra e precede a liturgia sacramental. Inclui uma oração (o Ritual oferece duas opções)  a possibilidade do ministro soprar sobre o rosto do batizado e a unção do peito (o centro do sistema cardiorrespiratório), acompanhada de uma imposição das mãos. O exorcismo exprime a difícil luta que a graça precisa enfrentar para nos libertar dos maus espíritos que habitam nosso coração.

O milagre do surdo-mudo ilustra nossa trajetória de fé: Jesus separa-nos da multidão (a fé é um passo absolutamente pessoal e intransferível); Jesus toca-nos com suas mãos (para expressar sua solidariedade e transmitirmos seus poderes e Suas capacidades); Jesus toca nossos ouvidos pois somos aquilo (aquele) que ouvimos (somos ouvintes de Jesus); Jesus toca nossa língua com a saliva (a saliva é uma concreção do sopro, símbolo do Espírito); Jesus intercede ao Pai da Palavra, geme, grita, ordena (salvar/curar é muito mais difícil que criar) cada um é chamado, por isso, a percorrer o caminho do povo de Israel, o  caminho do surdo-mudo…para que Jesus possa passar por sua vida “como benfeitor” (cf. At 10,38); fazendo “os surdos ouvir e os mudos falar” (cf. 7,37).


logo1

FRADES FRANCISCANOS
Ordem de São Francisco – OSF
Igreja Anglicana Tradicional do Brasil

CONTATOS:
Site: http://www.fradesfranciscanos.com
E-mail: contato@fradesfranciscanos.com
Blog: https://fradesfranciscanos.wordpress.com
Twitter: @fradesosf
Facebook: https://www.facebook.com/ordemdesaofrancisco
Instagram: @fradesfranciscanos
YouTube: https://www.youtube.com/c/fradesfranciscanos
Google+: https://plus.google.com/u/2/+FradesFranciscanos/posts


Anúncios

Sobre Frei Fábio, OSF

Formando em Filosofia, Ministro Provincial da Ordem de São Francisco, OSF no Brasil, amante e um defensor da ecologia. Apoia e desenvolve trabalhos com moradores de rua, e os mais oprimidos pela sociedade, realiza palestras sobre franciscanismo, bíblia, ecologia, amorização.

Publicado em 06/09/2015, em Formação, Homilia Dominical e marcado como , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: